PICS - como autocuidado no contexto da COVID

Apresentação dos resultados de um estudo que buscou avaliar a utilização das PICS no contexto da COVID.

Uma pesquisa realizada com pesquisadores do Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde (Icict) e do Observatório Nacional de Saberes e Práticas Tradicionais, Integrativas e Complementares em Saúde (ObservaPICS), da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), e da Faculdade de Medicina de Petrópolis (FMP/Unifase), no Rio de Janeiro mostrou a utilização das práticas integrativas. E o resultado foi bem interessante!

Das 29 modalidades reconhecidas pelo Sistema Único de Saúde (SUS), meditação e fitoterapia foram as mais frequentes (28,2% dos usuários), seguidas pelo reiki (21,6%), aromaterapia (16,4%) e pela homeopatia (14,5%). Entre os usuários declarados, 25% praticam de quatro a mais PICS.

As práticas integrativas têm um potencial bem interessante como suporte à qualidade de vida, forma de autocuidado para equilíbrio mental e emocional. São várias possibilidades para o nutricionista trabalhar, principalmente agora que podemos utilizar estas práticas durante nosso atendimento.

Fique atento pois outros resultados preliminares serão divulgados no dia 29 de julho, pelo Boletim Evidências, do ObservaPICS, e às 10h, do mesmo dia, em webinário transmitido pela Vidosaúde Distribuidora da Fiocruz, com a participação dos pesquisadores Cristiano Boccolini (Icict), Patrícia Boccolini (FMP/Unifase) e Islândia Carvalho (ObservaPICS), coordenadores do estudo, e comentários de Nelson Filice de Barros (Lapacis/Unicamp).

Você conhece estas práticas? Nossa coordenadora do curso de pós-graduação (PICS no atendimento nutricional) Vivi Jaques elaborou um conteúdo bem completo sobre este tema. Busque na nossa página!

CLIQUE AQUI

Abraço!
Até a próxima.

Compartilhe esta notícia

Nenhum comentário

Deixe seu comentário